30/03/2017

Ter Demoiselle em seu casamento não é lá uma grande novidade. O nome é de origem francesa que significa moça, dama ou donzela, em casamentos já é uma prática antiga e todo ano se renova. Tudo depende do casal e em especial a noiva. A criatividade nessa hora pode ir longe.

A função da Demoiselle é ajudar  a noiva em tudo o que for preciso durante a cerimônia e sua entrada na igreja. Ou onde acontecer a sua entrada triunfal!

Diferente das daminhas crianças, a Demoiselle é mais antenada e entenderá bem o seu papel, podendo não só levar plaquinhas e anunciar a entrada da noiva, mas ajuda-la ajeitando o véu e dando a ela lenços no momento apropriado. Coisas que toda amiga da noiva faria!
Essa tradição surgiu na antiguidade a partir de uma lenda segundo a qual a presença de outras mulheres vestidas de forma parecida com a da noiva e acompanhando-a até o altar servia para confundir os espíritos ruins sobre quem de fato seria a noiva, afastando assim toda inveja ou mau olhado que pudesse se abater sobre ela no dia de seu casamento.
O estilo do casamento é que definirá como a Demoiselle irá entrar. Em alguns casos mais comuns, elas entram com seus respectivos pares junto com o cortejo, mas em outros mais tradicionais, elas entram logo atrás da noiva para dar suporte a ela. Como aconteceu no casamento maaaaais badalado do século. O casamento da princesa Kate Middleton.

Sua irmã, Pipa, foi quem a acompanhou na entrada arrumando e segurando o véu.

 

Demoiselle

(mais…)

08/03/2017

Dia Internacional da Mulher – 08 de março

Nossa homenagem:

A Princesa Grace Kelly de Mônaco aos 26 anos, na década de 50, era considerada uma das maiores atrizes de Hollywood, ganhadora de um Oscar e com uma carreira em ascensão.

Há 60 anos atrás, uma MULHER desistiu de sua profissão para se casar e se tornar uma esposa, mãe e dona de casa. Claro que estamos falando da vida de uma princesa.

Mas hoje… no Dia Internacional da Mulher em 2017, sonhamos quase exatamente da mesma forma!

(mais…)

31/01/2017

No post anterior falamos sobre toda a tradicional história por trás dessa linda comemoração. Hoje falaremos dos variados tipos de festa e provar, que de tradicional só restou o nome.

Inicialmente, as festas de debutantes eram marcadas pelas cerimônias realizadas dentro de um cronograma tradicional já conhecido por celebrantes e cerimonialistas. Lembrando que a festa tinha como principal papel mostrar a mudança de menina pra mulher.
As debutantes entravam nas festas com aqueles vestidos lindos, estilo princesa ?, cumprimentava a todos acompanhada de suas 15 damas,compostas das melhores Bff – Best Friend Forever,  e num certo momento ela dançava valsa com seu pai ?. Depois, um jovem, que representa seu príncipe trocava a sapatilha dela por um sapato de salto, lacrando sua entrada triunfal na sociedade adulta ?. Lindo de se ver!

Mas calma, hoje em dia quase ninguém mais faz isso. Toda essa cerimônia durava muito tempo e acabava sendo exaustivo tanto para os convidados quanto para a debutante, e com o tempo, eles foram criando novas ideias e maneiras de fazer o tradicional, sem ser tradicional. Compreendeu? ?

Além das 15 damas, as novas debutantes passaram a incluir também os damos – rsrsrs, brincadeira. Os príncipes! Esses faziam par com as meninas e também dançavam valsa com elas. Uma ótima oportunidade de encontrar um crush – atualizando definições de Crush = paquera, affair, boy magia…

A história de trocar o sapatinho não tinha mais. Ela já entrava no salto, mostrando equilíbrio e maturidade. A valsa com papai também foi banida. Ao invés de dançar com o pai, a moça, que agora é mulher prefere dançar com as “zamiga”.

Não só isso! Tem papais aí muito atualizados e extrovertidos que, além de topar dançar, ainda dançaram pout pourri. Sabe aquela misturinha de músicas que formam uma só e o povo dança vários ritmos em um? Então! Isso é o máximo! Uma forma muito legal de viver essa experiência com o pai, sem que isso se torne chato ou brega pra você que não é fã de valsas.

Mas a dica é, faça o que você quiser na sua festa. Não importa se é tradicional, descontraído, moderno. A festa foi feita pra você, nada mais justo que você goste de tudo que terá nela.

Pra vocês se inspirarem, seguem fotos ?

Tradicional

Sobre ter amigas como damas 🙂

tradicional

E os amigos também ?

tradicional

E sem esquecer do príncipe ?

tradicional

Ohh, a entrada triunfal! ?

Tradicional

Aquela valsa descontraída

Tradicional

A tradicional Valsa

tradicional

Olha o saaaalto!

tradicional

A troca de sapatos